domingo, 16 de janeiro de 2011

Pena de Morte pode ser uma opção, sabe...

É claro que ninguém, ABSOLUTAMENTE ninguém tem o direito de tirar a vida de alguém, porém, uma coisa que eu acho totalmente desnecessária e que causa um risco a toda a população é a troca de lugares pra cumprimento de pena. No momento da pena deve ser estipulado o tempo (o que é acontece, normalmente) e o lugar da pena SEM direitos nenhum a mudança de planos durante o cumprimento. Acho que a mudança de lugares pra um indivíduo não adianta muita coisa (me refiro a Presídios de Segurança Máxima) porque se são realmente de segurança máxima... pra que mudar de uma pra outra? Ai que eu acho que entra a pena de morte. A maioria sabe ou deduz que na cadeia durante a pena é feito um trabalho com o individuo para mudança de mente. Mas pensa... Um cara que nasceu num morro (como o do Alemão), usa drogas desde a infância, trafica desde a adolescência e pratica o crime desde sempre tem como mudar assim? Num período de 30 anos? Com o passar do tempo, a mentalidade muda sim, mas e aqueles que mesmo dentro do Presídio manda ordens de ataques? De que adianta ficar 10, 15, 50 anos... para TENTAR mudar a mentalidade e no fim das contas libertar o indivíduo. Pra que a Pena de Morte aconteça, teriam que ser contratados milhares de novos caras comprometidos com o seu serviço (difícil de acontecer) serem treinados durante muito tempo (assim como é feito no exército: vários anos de treinamento para que o sangue seja frio, tenha um pensamento de menor piedade etc). Isso demoraria muito tempo, mas pensa na melhoria que isso ia causar: menor taxa de criminalidade, menos indivíduos em penitenciárias e outras hipóteses que se pode imaginar. Apoiar uma causa dessas, deve ser vista e revista, eu venho pensando nisso desde muito tempo, por isso, surgiu a idéia desse post. Pense e veja que talvez isso pode ser uma opção produtiva para o sistema de ordem no país.

terça-feira, 4 de janeiro de 2011

Cores no ano novo? Get out of here!

Falar sobre uma coisa que é bem tensa e acontece sempre nessa época de ano novo: A Utilização de Cores no Ano Novo.
Bom, é o que todo mundo fala: Usar cor Branca na noite de Ano Novo pra atrair paz e prosperidade para o próximo ano. Isso eu acho uma coisa tipo super idiota, porque não é uma cor que você use durante a passagem de ano que vai fazer com que o próximo ano seja bom. Aqui vai uma coisa que o @_gabriellh me falou, me fez pensar e me fez mudar: “No Ano Novo o que importa é estar bonito.” Lembre-se: uma cueca, uma meia, um penteado, não muda o que vai acontecer no outro ano. Pra mim, o que tem que acontecer próximo ano, é tudo um conjunto de coisas que já estão predestinadas a acontecer, nisso eu não me refiro à religião NENHUMA! Que fique claro! Acho que mais importante que usar uma cor ou uma roupa que “atrai sorte” é ter pensamentos positivos, sabe. Se você quer encontrar um amor no próximo ano não é uma camiseta vermelha ou uma cueca super velha (também porque isso vai deixar na cara que você tá encalhado, praqueles que acreditam) que vai te fazer encontrá-lo, mas sim pensamentos positivos e atitude, porque isso, num relacionamento é o que há. Eu, particularmente vou usar uma bermuda xadrez e uma camiseta preta (não porque o significado seja escuridão, morte, luxo e dignidade, mas porque eu fico bem e curto um preto básico). O que acontece num ano só depende da suas ações, reações e decisões. Então, FIQUE gatinho (a) e esqueça todo o bordel de que nós usamos hoje em dia, lembrando que tradições podem e devem ser mudadas com o passar dos anos. Viver em clichê, não vale à pena.
Este post, eu fiz, especialmente pro Alef *-*. Feliz Ano Novo, anyway, que a gente possa ser feliz acima de tudo esquecendo as tradições.