quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Abrasileiramento de Nomes

Tem uns deputados que estão em Brasília que estão querendo criar uma lei que proíba que pais ponham nomes estrangeiros em seus filhos. Agora me fala uma coisa... Qual e que diferença isso vai fazer para aqueles que estão assinando essa lei? Existem algumas pessoas que são contra, a questão que eles levantam é a seguinte: Se a criança nasceu no Brasil, por que “estrangeirizar” a criança? Minha resposta para esse levantamento é o ponto em que aqueles que são contra o projeto de lei dizem: “talvez os pais queiram fazer uma homenagem a um artista famoso, ou algo do tipo”.
Eu sou contra esse projeto, porque além de deixar a criança com um nome muito mais interessante é legal ter um nome descolado e que esteja “na moda”. E por que criar uma lei em que proíba nomes estrangeiros sendo que acabou de haver a Reforma Ortográfica na Língua Portuguesa e colocaram as letras K, W e Y? Por que proibir algo que possa usar as letras que acabaram de ser postas de volta ao alfabeto brasileiro? Uma lei em que eu acho que fez sentido de ser criada foi a lei em que proíbe que pais ponham nome em que ridicularizam a criança, agora lei para abrasileiramento em pleno Século XXI, em que estrangeiros entram e saem do Brasil, é obviamente ridículo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário